Noticias pela Web

Jungle Fight 74 terá disputa de cinturão dos pesos-médios, em São Paulo

 
Douglas Bertazini e Júnior Alpha fazem a luta principal do evento, marcado para o dia 29 de novembro, no ginásio do Ibirapuera
 
O duelo principal do Jungle Fight 74, marcado para o dia 29 de novembro, no ginásio do Ibirapuera, em São Paulo, será entre o paulista Douglas Bertazini e o baiano Júnior Alpha. O combate colocará em jogo o cinturão dos pesos-médios (até 84kg) da organização, vago desde a ida de Ildemar Marajó para o UFC. O restante das lutas do card serão anunciadas em breve. 
 
Douglas vem de uma sequência de quatro vitórias, e possui um cartel completo de nove triunfos e cinco derrotas. Além do retrospecto positivo, o estilo agressivo foi um dos pontos favoráveis para que o atleta da Miguel Repenas Team recebesse a oportunidade de disputar o título. 
 
"Já luto pelo Jungle há bastante tempo, todos sabem que eu vou para cima, vou para a porrada, independente do que possa acontecer. E é isso que o Wallid espera dos lutadores do Jungle. Agradeço essa oportunidade e vou fazer de tudo para sair com esse cinturão", afirma Douglas. 
 
Júnior, por sua vez, possui cinco vitórias na carreira contra apenas uma derrota.Atualmente, ele treina na equipe Nordeste JJ e MMA, do mestre Yuri Carlton. Nas últimas três lutas, duas foram vencidas por nocaute e uma por decisão unânime dos juízes. 
 

Em apoio ao TUF, Wallid realoca Jungle Fight 74 para 29 de novembro

 
Em apoio ao TUF, Wallid realoca Jungle Fight 74 para 29 de novembro, em SP
 
Jonas Bilharinho e Fabiano Jacarezinho, que fariam a luta principal do evento, são liberados para participar das seletivas para o reality do UFC e estão fora do card
 
Após o anúncio oficial do UFC de que as seletivas para o TUF Brasil 4 começarão no dia 27 de outubro, o presidente do JFC, Wallid Ismail, optou pelo adiamento do Jungle Fight 74 para o dia 29 de novembro. O local também foi modificado e será em São Paulo, sem sede exata definida. O motivo para a troca é evitar o conflito de datas com os testes para o reality, que terão a participação de mais 10 atletas da organização dirigida pelo ex-atleta. 
 
Apesar da mudança, Wallid faz questão de ressaltar o apoio ao TUF Brasil e a importância do programa para o MMA nacional. 
 
"Tive que fazer essa alteração porque a maioria dos nossos atletas de 57 a 70 quilos vão fazer os trials (testes) do TUF. Dou apoio total para que eles tentem entrar no TUF e mostrem o trabalho deles para o grande público. Para mim e para o MMA brasileiro, é muito importante que esse TUF seja um dos melhores, e acredito que tem tudo para ser porque essas categorias são as melhores do Brasil", afirma Wallid Ismail. 
 
As lutas do Jungle Fight 74 ainda não foram definidas. Jonas Bilharinho e Fabiano Jacarezinho, que fariam o duelo principal valendo o cinturão dos pesos-galos, estão entre os nomes que participarão da seletiva para o TUF, e, portanto, tiveram que ser retirados do card. O evento estava marcado, anteriormente, para o dia 1º de novembro, no Rio de Janeiro. 
 
Essa será a quarta vez consecutiva que o Jungle Fight desembarcará em São Paulo. No Jungle Fight 71, realizado em julho, no ginásio do Canindé, os fãs paulistas presenciaram a vitória de Renato Moicano sobre Ismael Marreta, valendo o cinturão interino dos pesos-penas. A edição seguinte, em agosto, no Pelezão, consagrou o campeão dos pesos-pesados, William Gigante. Já na última, Ericka Almeida finalizou Maiara Amanajas e ficou com o título do peso-palha feminino. 
 

Bilharinho vs Jacarezinho é remarcado para 1º de novembro, no Rio de Janeiro

 
Recuperados das lesões, campeão dos pesos-galos (até 61 kg) Jonas Bilharinho enfrenta o experiente Fabiano Jacarezinho, no Jungle Fight 74
 
Após deixarem a luta principal do Jungle Fight 73 por lesão, Jonas Bilharinho e Fabiano Jacarezinho tiveram o duelo remarcado para o Jungle Fight 74, marcado para 1º de novembro, no Rio de Janeiro. O combate será o chamariz do evento e colocará em jogo o cinturão dos pesos-galos (até 61kg) da organização, atualmente sob a posse de Bilharinho. O palco da disputa ainda não foi definido, mas deverá ser divulgado nos próximos dias. 
 
"Estou muito ansioso por essa luta porque tenho certeza que vai ser demais. O Jonas já provou ser um jovem de muito talento e por isso é o campeão dos pesos-galos. Mas ele nunca enfrentou um cara tão experiente e tão forte como Jacarezinho. São trinta lutas na carreira né, cara. Vai pegar fogo essa luta, vai ser uma grande guerra", afirmou o ex-atleta e presidente do JFC, Wallid Ismail. 
 
Essa será a primeira tentativa de defesa do cinturão de Jonas Bilharinho. O atleta do Team Nogueira conquistou o título após vencer Mário Israel, por decisão dividida, no Jungle Fight 67, em março. Com apenas 24 anos, Bilharinho possui um cartel invicto de cinco vitórias e um empate, e é apontado como uma das grandes revelações recentes do MMA brasileiro. 
 
Já Fabiano Jacarezinho é um dos lutadores mais experientes da organização, apesar dos 26 anos. Ao todo, disputou 30 lutas na carreira e alcançou a expressiva marca de 23 vitórias, seis derrotas e um empate. Jacarezinho é atleta da XGymn e parceiro de treinos do astro do UFC Ronaldo Jacaré e do campeão dos pesos-pesados do Jungle, William Gigante. 
 
O Jungle Fight 74 marca o retorno dos grandes eventos da franquia ao Rio de Janeiro. A última vez que a cidade recebeu uma edição deste porte foi em outubro do ano passado, no ginásio do Clube Botafogo. Na ocasião, Tiago Trator - atualmente no UFC - finalizou Geraldo "Luan Santana" e ficou com o cinturão dos pesos-leves (até 70kg).
 

Ericka Almeida a campeã peso-palha do Jungle Fight

 

Categoria é inaugurada na organização com bela vitória da paulista na edição de número 73, que comemorou 11 anos de história do evento.

 
Por 
 

A edição especial de 11 anos de Jungle Fight, realizada neste sábado, no ginásio do Ibirapuera, em São Paulo, coroou uma nova campeã na organização. Ericka Almeida venceu Maiara Alves com um mata-leão no segundo round e se tornou a primeira campeã peso-palha (até 52kg) da história do evento. Ela foi superior a sua adversária no primeiro round e sacramentou o triunfo mostrando jiu-jítsu afiado. Das oito lutas do Jungle Fight 73, apenas uma foi para a decisão dos juízes.

- Significa muito pra mim esse título. Foi a maior honra que existe inaugurar essa categoria no Jungle Fight, no evento de aniversário. O treinamento foi muito duro. Eu soube da luta com menos de um mês e treinei muito - afirmou Ericka.

 

 

A luta

Maiara começou conseguindo uma rápida queda em Ericka, que mostrou uma guarda agressiva, tentando escalar para atacar no triângulo. Maiara tentou fazer postura, mas não conseguia fugir da guarda da rival, que a neutralizou até o árbitro pedir para as duas se levantarem. Ericka foi direto para o clinche, mas sem ser efetiva, e o árbitro as separou novamente. O cenário se repetiu com clinche rápido, mas desta vez Maiara derrubou logo. Ericka inverteu a posição e ficou por cima. O árbitro central Alessandro Souza sequer deu tempo da lutadora desenvolver seu jogo de solo e mandou elas ficarem de pé. Ericka voltou a aplicar uma queda, mas Maiara atacou na chave de braço, e o árbitro voltou a separar as lutadores de forma polêmica. Ericka passou a buscar o combate em pé e conectou alguns golpes sem muita contundência antes do fim do round.

Ericka iniciou o segundo round com um bom direto de direita. Pouco depois, ela conectou um gancho de esquerda, partiu para a queda e pegou as costas, colocando os ganchos e batendo na cabeça para tentar um mata-leão. Maiara tentou se livrar com uma cambalhota, mas seguiu com a rival nas suas costas. Ericka chegou a encaixar o mata-leão, mas Maiara se livrou na primeira vez. Porém, Ericka insistiu, abriu o caminho e, na segunda, não teve jeito. Maiara bateu em desistência, Ericka ficou com o título peso-palha do Jungle Fight.

 

 

Jungle Fight 73 - Edição especial 11 anos
Sábado, 6 de setembro de 2014
Ginásio do Ibirapuera, São Paulo-SP
CARD DO EVENTO
Ericka Almeida venceu Maiara Alves por finalização ao 1m56s do R2
José Diaz "Suavecito" venceu Renê Soldado por finalização aos 4m58s do R1
Douglas Bertazini venceu Fernando Di Pierro por nocaute técnico ao 1m32s do R1
Martin Ottaviano "La Maquina" venceu Charles Leite por finalização aos 1m18s do R1
Matheus Mattos "venceu Allan Miguel por nocaute técnico aos 2m02s do R2
Valdines Silva venceu Allan "Popeye" por finalização aos 3m05s do R1
Paulinho Capoeira venceu Diego Paiva por decisão unânime (29-28, 30-26 e 29-27)
Bruno Lopi venceu Gregory "Robocop" Rodrigues por nocaute técnico ao 1m05s do R1.

 

Jungle Fight 73 edição especial 11 anos inaugura nova categoria feminina

 
 
Com excelentes lutas o evento Jungle Fight 73 edição 11 anos foi protagonista da estréia do cinturão peso-palha feminino.
 
A atleta Ericka Almeida venceu por finalização Maiara alves e conquistou o cinturão da categoria peso-palha criada no evento de 11 anos do Jungle Fight. O evento também contou com outras ótimas lutas.
 
Os destaques internacionais do evento foram as lutas internacionais, onde o mexicano José Dias venceu o brasileiro Rene Soldado; O brasileiro Douglas Bertazini El Loco venceu o equatoriano Fernando Di Pierro; e Martin Ottaviano La Maquina venceu o brasileiro Charles Leite.]
 
Outros destaques foram da vitória de Matheus Mathos sobre Allan Miguel por nocaute técnico no segundo round; Valdines Silva que venceu Allan Popey com um Mata-leão ainda no primeiro round; Paulinho capoeira venceu por decisão unânime Diego Paiva e Bruno Lopi que venceu o gigante Gregory Robocop.
 
Confira abaixo o card completo do evento.
 
Maiara Alves X Ericka Almeida - Vitória de Ericka Almeida (Campeã da Categoria Peso-Palha)
 
Gregory "Robocop" x Bruno Lopi - Vitória de Bruno Lopi 
 
Paulinho "Capoeira" X Diego Paiva - Vitória de Paulinho "Capoeira"
 
Valdines Silva X Allan "Popey" - Vitória de Valdines Silva
 
Matheus "Adamas" X Allan Miguel - Vitória de Matheus "Adamas"
 
Martin Ottaviano "La Máquina" x Charles Leite - Vitória do Argentino  Martin "La Maquina"
 
Fernando Di Pierro X Douglas Bertazini "El Loco" - Vitória do Brasileiro Douglas Bertazini
 
Rene Soldado X José Diaz - Vitória do Mexicano José Dias
 
 
 
 
 
 

Pesagem do Jungle Fight 73 tem encarada tensa entre Maiara Manajás e Ericka Alves

 
Edição comemorativa aos 11 anos do maior evento de MMA da América Latina acontece neste sábado, 6, no Ginásio do Ibirapuera, com disputa inédita do cinturão peso-palha feminino
 
Nesta sexta-feira foi realizada a pesagem para o Jungle Fight 73, marcado para este sábado (6), no Ginásio do Ibirapuera, em São Paulo. Maiara Amanajás e Ericka Almeida, que disputam o inédito cinturão peso-palha (até 52kg), não tiveram problemas com a balança e pesaram 51,2kg e 52kg, respectivamente. 
 
Apenas dois atletas não conseguiram ficar dentro do limite da categoria: Diego Paiva (58kg) e Matheus Mattos (62kg), que ultrapassaram 1kg e como punição começarão a luta com um ponto a menos. A dupla também perde 20% da bolsa. O presidente do evento, Wallid Ismail, não escondeu a sua indignação com o fato.
 
"Por mim, nenhum dos dois lutaria, tem que ter responsabilidade, disciplina é a base do esporte. Se o cara não respeita o peso, não merece lutar. Isso é o que eu acho, mas já que eles ficaram apenas 1kg acima e o adversário aceitou lutar, vamos ter luta", afirma Wallid.  
 
Nas encaradas, quem roubou a cena foi o peso-meio-médio Rene Soldado, que arrancou aplausos da plateia ao subir com uma bandeira do Brasil. O paulista enfrenta o mexicano José Diaz "Suavecito", em um duelo que deve apontar o próximo desafiante ao cinturão da categoria. 
 
Um dos momentos mais tensos foi protagonizado pelo potiguar Allan Miguel, que cerrou o punho no queixo do carioca Matheus Mattos, que, apesar disso, manteve a habitual calma. Maiara e Ericka também ameaçaram uma encarada mais quente, porém, foram rapidamente contidas por Wallid. 
 
A edição de número 73 do Jungle Fight marca o aniversário de 11 anos da organização. O evento será transmitido, ao vivo, para todo o Brasil através dos canais SporTV e Combate, e para o restante do mundo pela ESPN Deportes, a partir das 21h (horário de Brasília). Confira abaixo o serviço completo do evento:
 
Jungle Fight 73 - Edição especial 11 anos
Local: Ginásio do Ibirapuera, São Paulo-SP
Data: Sábado, 06 de setembro de 2014
Horário: 21h (horário de Brasília)
Transmissão: SporTV e Combate para todo o Brasil / outros países: ESPN Deportes

Card completo:
 
Maiara Alves (Nocaute Team) x Ericka Almeida (Herman Gutierrez) - Cin?turão Feminino - Até 52kg
 
Rene "Soldado" Pessoa (Power Lotus Team) x José Diaz "Suavecito" (Cleber Jiu Jitsu) - até 77kg
 
Fernando Di Pierro (Alliance/Equador) x Douglas Bertazini "El loco" (Miguel Repanas) - até 84kg
 
Martin Ottaviano "La Maquina" (Sukata Academy/Argentina) X Charles Leite (Demian Maia Jiu Jitsu) - 93kg
 
Matheus Mattos "Adamas" (Team Nogueira) x Allan Miguel (Fight Club BFC) - até 61kg
 
Valdines Silva (Pitbul Brothers) x Allan "Popey"(Ryan Gracie/Polemico) - até 66kg;
 
Paulo Oliveira "Capoeira" (Orion Fight) x Diego Paiva (Miguel Repanas) - até 57kg
 
Gregory " Robocop " Rodrigues ( XGym )  x Bruno Lopi (011 Team) - até 84 kg 
 

Matheus Mattos busca oitava vitória na carreira no Jungle Fight 73

Revelação do Team Nogueira, o peso-galo (61kg) Matheus Mattos retorna aos cages neste sábado (6).
 
O jovem, de 22 anos, está escalado para o card do Jungle Fight 73, que acontece no Ginásio do Ibirapuera, em São Paulo (SP). Após estrear com uma vitória convincente na organização, - derrotou por nocaute técnico Jefferson Oliveira no primeiro round durante a edição 64 do torneio, disputada em janeiro, na cidade de Campos dos Goytacazes (RJ) - o lutador enfrenta o potiguar Allan Miguel com o objetivo de firmar-se de vez dentro do evento e brigar pelas melhores posições de sua divisão. 

Com sete vitórias e um empate em sua trajetória como profissional, Matheus quer agarrar a oportunidade da melhor maneira e garante estar 100% fisicamente para o duelo. Respeitoso, o carioca faz questão de elogiar as características do oponente, mas se diz bem treinado para conseguir sua oitava vitória na carreira.

"Estou muito focado, tive uma lesão que me impossibilitou de lutar em outra oportunidade, mas tive tempo para me recuperar e estou "zerado". Posso dizer que estou mais treinando do que nunca e pronto para o desafio, até porque sei que irei enfrentar um adversário completo. Treinei tudo e mais um pouco para essa luta e acho que vai ser um ótimo show. Vou estar preparado tanto no chão quanto em pé", disse.

Além de contar com a ajuda de técnicos e atletas de primeiro nível, o lutador recebeu importantes dicas de Jonas Bilharinho, amigo de longa data e detentor do cinturão dos galos (61kg) do Jungle Fight. Bilharinho já enfrentou Allan Miguel, em abril de 2013, e saiu vencedor por nocaute técnico no segundo round na edição 51 do torneio. 

"Treinei bastante com o Jonas antes dele se lesionar, então pude pegar alguns segredos com ele. Vou pegar essas dicas e aplicar bem durante o combate. Vou estar atento aos pontos fortes dele para não ser surpreendido. Estou me concentrando muito nessa luta, pois sei que ela pode me dar uma alavancada muito boa no Jungle Fight e, quem sabe, me projetar para eventos internacionais"

Desde os 15 anos no Team Nogueira, Matheus Mattos é considerado uma das maiores revelações da equipe e conta com o importante apoio de Rodrigo Minotauro para seguir progredindo profissionalmente. Para ele, contar com o ilustre apoio serve de inspiração e motivação para continuar 

"Cheguei aqui no Team Nogueira em 2007 por indicação do meu primeiro professor de jiu-jitsu. Logo nos primeiros meses, fui muito bem direcionado pelos professores que aqui estavam e, aos poucos, passei a me destacar no muay thai. Com 18 anos, fiz minha primeira luta de MMA amador e logo depois migrei para o profissional. Desde muito cedo eu convivo com grandes nomes do esporte e isso foi fundamental para minha evolução como atleta. Esse carinho do Minotauro por mim sempre foi muito importante e ele está me ajudando em todos os aspectos. Ele está no meu dia a dia como um grande amigo e isso me dá força e muita motivação. Me sinto muito honrado por tê-lo como companheiro de treinamentos e amigo", concluiu.
 
(Fonte: http://oglobo.globo.com/blogs/mma/posts/2014/09/03/matheus-mattos-busca-oitava-vitoria-na-carreira-no-jungle-fight-73-548252.asp)

Jungle Fight 73 Card completo:


Maiara Alves (Nocaute Team) x Ericka Almeida (Herman Gutierrez) - Cinturão Feminino - Até 52kg

Rene "Soldado" Pessoa (Power Lotus Team) x José Diaz "Suavecito" (Cleber Jiu Jitsu) - até 77kg

Fernando Di Pierro (Alliance/Equador) x Douglas Bertazini "El loco" (Miguel Repanas) - até 84kg

Martin Ottaviano "La Maquina" (Sukata Academy/Argentina) X Charles Leite (Demian Maia Jiu Jitsu) - 93kg

Matheu Mattos "Adamas" (Team Nogueira) x Allan Miguel (Fight Club BFC) - até 61kg

Valdines Silva (Pitbul Brothers) x Allan "Popey"(Ryan Gracie/Polemico) - até 66kg;

Paulo Oliveira "Capoeira" (Orion Fight) x Diego Paiva (Miguel Repanas) - até 57kg

Gregory " Robocop " Rodrigues ( XGym ) x Bruno Lopi (011 Team) - até 84 kg
 

Maiara Alves e Ericka Almeida esbanjam confiança antes de luta no Jungle Fight 73

Invictas, Maiara Alves e Ericka Almeida esbanjam confiança para conquistar título inédito do Jungle Fight
 
Lutadoras fazem a luta principal do Jungle Fight 73, marcado para este sábado (6), no Ginásio do Ibirapuera, em São Paulo. Evento marca o aniversário de 11 anos da maior organização de MMA da América Latina
 
 
O Jungle Fight 73, marcado para este sábado (6), em São Paulo, marcará a disputa inédita da recém-inaugurada categoria peso-palha (até 52kg) feminina, entre a amapaense Maiara Alves e a paulista Ericka Almeida. As lutadoras farão o duelo principal da noite, que contará com outros sete combates, entre eles, o do norte-americano José Diaz "Suavecito" e o brasileiro Rene Soldado. 
 
Aos 25 anos, Ericka Almeida possui um cartel invicto de cinco vitórias, a maioria conquistada através da sua especialidade, o jiu-jitsu. O excelente retrospecto fez com que a paulista de Sorocaba assinasse com o Invicta FC, no ano passado, porém, a demora para estrear no evento fez com que ela aceitasse a proposta para lutar no Jungle Fight. 
 
"Ainda tenho contrato com o Invicta, mas até agora não me chamaram para fazer parte do card. E todo lutador precisa se manter em atividade, até para não desmotivar. Por isso, quero lutar. Assinei contrato com o Jungle, vou lutar e pegar esse cinturão pra mim. Tenho treinado muito forte, melhorando o meu jogo em pé e estou pronta para qualquer coisa", garante Ericka. 
 
Assim como a adversária, Maiara também está invicta com cinco vitórias. A lutadora, que nasceu na cidade de Macapá, sonha em ser a primeira representante do estado amapaense a conquistar um título desta importância no MMA nacional. Para isso, ela aposta na trocação. 
 
"Minhas expectativas são as melhores possíveis. Tenho treinado muito, meu boxe está super afiado. Sei que é uma oportunidade que não posso deixar passar, vamos para São Paulo para fazer história. Serei a primeira mulher do estado a disputar um título e vou fazer de tudo para sair com essa vitória", afirma Maiara.  
 
 
Saiba onde conseguir ingressos gratuitamente

As entradas para o Jungle Fight 73 podem ser adquiridas gratuitamente na loja Ortobom, localizada na Rua João Cachoeira, 695 /697, Jardim Paulista, em São Paulo. O número de contato do estabelecimento é (11) 3078-7081. 
 
O Jungle Fight 73 será transmitido para todo o Brasil através dos canais SporTV e Combate, e para o restante do mundo pela ESPN Deportes, a partir das 21h (horário de Brasília). Confira abaixo o serviço completo do evento:
 
 
Jungle Fight 73 - Edição especial 11 anos
Local: Ginásio do Ibirapuera, São Paulo-SP
Data: Sábado, 06 de setembro de 2014
Horário: 21h (horário de Brasília)
Transmissão: SporTV e Combate para todo o Brasil / outros países: ESPN Deportes
 
Card completo:
 
Maiara Alves (Nocaute Team) x Ericka Almeida (Herman Gutierrez) - Cin?turão Feminino - Até 52kg
 
Rene "Soldado" Pessoa (Power Lotus Team) x José Diaz "Suavecito" (Cleber Jiu Jitsu) - até 77kg
 
Fernando Di Pierro (Alliance/Equador) x Douglas Bertazini "El loco" (Miguel Repanas) - até 84kg
 
Martin Ottaviano "La Maquina" (Sukata Academy/Argentina) X Charles Leite (Demian Maia Jiu Jitsu) - 93kg
 
Matheus Mattos "Adamas" (Team Nogueira) x Allan Miguel (Fight Club BFC) - até 61kg
 
Valdines Silva (Pitbul Brothers) x Allan "Popey"(Ryan Gracie/Polemico) - até 66kg;
 
Paulo Oliveira "Capoeira" (Orion Fight) x Diego Paiva (Miguel Repanas) - até 57kg
 
Gregory " Robocop " Rodrigues ( XGym )  x Bruno Lopi (011 Team) - até 84 kg 
 

Capa da Sexy de agosto, Ana Paula Minerato desfila suas curvas no cage do Jungle Fight 73

 
Ex-integrante do programa Pânico na Band e musa da Escola de Samba Gaviões da Fiel, a loira será uma das responsáveis por anunciar os rounds das lutas 

Capa da revista Sexy em agosto, a sensual Ana Paula Minerato será uma das responsáveis por anunciar os rounds durante o Jungle Fight 73, que acontece neste sábado (6), no ginásio do Ibirapuera, em São Paulo. Conhecida também por ser ex-integrante do programa Pânico na Band e musa da Escola de Samba Gaviões da Fiel, a loira, agora de mechas azuis, participou de um ensaio usando as roupas que usará no dia do evento, um aperitivo do que estar por vir. 

Ao lado das cage girls tradicionais do maior evento de MMA da América Latina, Geisa Victorino e Syllvia Andrade, Ana Paula Minerato também será uma das principais atrações, dentro e fora do cage, o que é justificado com seu 1,73 m de altura, 90 cm de busto, 95 cm de quadril e 57 cm de coxa.

Como adquirir ingressos

Ao todo, o evento contará com oito lutas no card, com destaque para o duelo feminino entre Maiara Alves e Ericka Almeida, que disputam o cinturão peso palha (52 kg) da organização. Os interessados em assistir aos duelos de perto podem adquirir ingressos gratuitamente na loja Ortobom, localizada na rua João Cachoeira, números 695/696, no bairro Jardim Paulista, em São Paulo.

Confira abaixo o card completo do evento, que terá transmissão ao vivo do Sportv e do Canal Combate, a partir das 21h (horário de Brasília).

Maiara Alves (Nocaute Team) x Ericka Almeida (Herman Gutierrez) - Cin?turão Feminino - Até 52kg

Rene "Soldado" Pessoa (Power Lotus Team) x José Diaz "Suavecito" (Cleber Jiu Jitsu) - até 77kg

?Fernando Di Pierro (Alliance/Equador) x Douglas Bertazini "El loco" (Miguel Repanas) - até 84kg

Martin Ottaviano "La Maquina" (Sukata Academy/Argentina) X Charles Leite (Demian Maia Jiu Jitsu) - 93kg

?Matheu Mattos "Adamas" (Team Nogueira) x Allan Miguel (Fight Club BFC) - até 61kg

Valdines Silva (Pitbul Brothers) x Allan "Popey"(Ryan Gracie/Polemico) - até 66kg;

Paulo Oliveira "Capoeira" (Orion Fight) x Diego Paiva (Miguel Repanas) - até 57kg

??Gregory " Robocop " Rodrigues ( XGym ) x Bruno Lopi (011 Team) - até 84 kg
 
 
 
 

Assessoria de Imprensa - Aviso de Credenciamento Jungle Fight 73, São Paulo - 06.09.2014

 
 
 
AVISO DE CREDENCIAMENTO / JUNGLE FIGHT 73
 
credenciamento para o JUNGLE FIGHT 73, marcado o dia 06 de setembro, no ginásio do Ibirapuera, em São Paulo (SP) será feito diretamente pela equipe de comunicação do Jungle Fight. 
 
Para efetuar o pedido da credencial, basta preencher a ficha de solicitação através do link:http://www.midiaticapress.com.br/credenciamento/O prazo se encerra na sexta-feira, dia 5. 
 
 
ATENÇÃO: A SOLICITAÇÃO DE CREDENCIAMENTO NÃO É GARANTIA PARA A COBERTURA JORNALÍSTICA DO EVENTO. CADA PROFISSIONAL RECEBERÁ UMA RESPOSTA, POSITIVA OU NEGATIVA, PARA O SEU PEDIDO.
 
 
Card completo:
 
Maiara Alves (Nocaute Team) x Ericka Almeida (Herman Gutierrez) - Cinturão Feminino - Até 52kg
 
Rene "Soldado" Pessoa (Power Lotus Team) x José Diaz "Suavecito" (Cleber Jiu Jitsu) - até 77kg
 
Fernando Di Pierro (Alliance/Equador) x Douglas Bertazini "El loco" (Miguel Repanas) - até 84kg
 
Martin Ottaviano "La Maquina" (Sukata Academy/Argentina) X Charles Leite (Demian Maia Jiu Jitsu) - 93kg
 
Matheu Mattos "Adamas" (Team Nogueira) x Allan Miguel (Fight Club BFC) - até 61kg
 
Valdines Silva (Pitbul Brothers) x Allan "Popey"(Ryan Gracie/Polemico) - até 66kg;
 
Paulo Oliveira "Capoeira" (Orion Fight) x Diego Paiva (Miguel Repanas) - até 57kg
 
Gregory " Robocop " Rodrigues ( XGym )  x Bruno Lopes (011 Team) - até 84 kg
 
 
Cronograma:
 
Pesagem oficial
Data: 05/09/14
Horário: 16h 
Local: Hotel Caesar Business
Endereço: Rua Olimpíadas, 205 - Vila Olímpia
 
Evento - Jungle Fight Championship 73
Data: 06/09/2014
Horário: 21h
Local: Ginásio do Ibirapuera, São Paulo (SP)
 
 

Jonas Bilharinho se lesiona e Roberto Silva é vetado por comissão médica.

 

Luta principal será a disputa do cinturão Feminino até 52kg entre Maiara Alves  x Ericka Almeida.

 

 

O campeão dos pesos-galos (até 61kg) Jonas Bilharinho sofreu uma luxação no tornozelo esquerdo e teve que ser retirado do evento comemorativo de 11 anos do Jungle Fight, marcado para o próximo dia 6, no ginásio Mauro Pinheiro, em São Paulo. Com isso, o duelo contra David Tatá foi cancelado, e a luta entre Maiara Alves e Ericka Almeida, valendo o cinturão feminino da categoria peso-palha (até 52kg), promovida para a principal da noite.  

 

 

A lesão de Bilharinho aconteceu na quinta-feira, durante um sessão de treinos no Team Nogueira. O lutador fazia uma atividade de jiu-jitsu com o companheiro Francisco de Assis, quando acabou lesionando o tornozelo. 

 

 

A outra luta que também precisou ser retirada do card, desse evento, foi entre Roberto Silva e Diogo “Pink”, na apresentação dos exames que são exigidos pela comissão médica do Jungle Fight, os exames pré-participação, a Comissão Médica da entidade vetou o atleta, pois não teria tempo hábil para realizar uma nova bateria de exames a tempo para se apresentar na luta.

 

Jungle Fight 73 - edição especial 11 anos

 

Local: Complexo Esportivo do Ibirapuera, Ginásio Mauro Pinheiro, Rua Abilio Soares, 1300, Ibirapuera São Paulo-SP

Data: Sábado, 06 de setembro de 2014

Horário: 21h (horário de Brasília)

Transmissão: SporTV e Combate para todo o Brasil / outros países: ESPN Deportes

 

Card completo:

 

Maiara Alves (Nocaute Team) x Ericka Almeida (Herman Gutierrez) - Cinturão Feminino - Até 52kg

 

Rene "Soldado" Pessoa (Power Lotus Team) x José Diaz "Suavecito" (Cleber Jiu Jitsu) - até 77kg

 

Fernando Di Pierro (Alliance/Equador) x Douglas Bertazini "El loco" (Miguel Repanas) - até 84kg

 

Martin Ottaviano "La Maquina" (Sukata Academy/Argentina) X Charles Leite (Demian Maia Jiu Jitsu) - 93kg

 

Matheu Mattos "Adamas" (Team Nogueira) x Allan Miguel (Fight Club BFC) - até 61kg

 

Valdines Silva (Pitbul Brothers) x Allan "Popey"(Ryan Gracie/Polemico) - até 66kg;

 

Paulo Oliveira "Capoeira" (Orion Fight) x Diego Paiva (Miguel Repanas) - até 57kg

 

Gregory " Robocop " Rodrigues ( XGym )  x Bruno Lopes (011 Team) - até 84 kg

 

Jungle Fight 73: Bilharinho se lesiona e disputa de cinturão feminino ganha destaque

Jungle Fight 73: Bilharinho se lesiona e disputa de cinturão feminino ganha destaque
 
Campeão dos pesos-galos (até 61kg) sofre luxação no tornozelo esquerdo em treino e duelo contra David Tatá, que seria o principal do card, é cancelado
 
O campeão dos pesos-galos (até 61kg) Jonas Bilharinho sofreu uma luxação no tornozelo esquerdo e teve que ser retirado do evento comemorativo de 11 anos do Jungle Fight, marcado para o próximo dia 6, no ginásio do Ibirapuera, em São Paulo. Com isso, o duelo contra David Tatá foi cancelado, e a luta entre Maiara Alves e Ericka Almeida, valendo o cinturão feminino da categoria peso-palha (até 52kg), promovida para a principal da noite.  
 
A lesão de Bilharinho aconteceu na quinta-feira, durante um sessão de treinos no Team Nogueira. O lutador fazia uma atividade de jiu-jitsu com o companheiro Francisco de Assis, quando acabou lesionando o tornozelo. Sem previsão de retorno, ele lamentou o fato e revelou a conversa que teve com o presidente do evento, Wallid Ismail. 
 
"Liguei para o Wallid e falei sobre a lesão, que não daria para lutar. Ele ficou muito chateado por estar em cima do evento. Além disso, não é um evento qualquer, é o aniversário de 11 anos do Jungle. Mas garanto que ninguém está mais chateado do que eu", afirma o campeão. 
 
Essa não foi a primeira mudança efetuada no card do Jungle Fight 73 por conta de lesão. Há algumas semanas, Fabiano Jacarezinho, que seria o adversário de Jonas Bilharinho, adoeceu e deu lugar a David Tatá na disputa de cinturão dos pesos-galos. Porém, com esse novo incidente, o atleta da Coliseu Jiu-Jitsu terá que aguardar por uma nova oportunidade. 
 
Apesar do imprevisto, o card do Jungle Fight 73 segue bastante atrativo. Além da inauguração do cinturão peso-palha femino, o evento está programado para receber três duelos internacionais, o principal deles entre o mexicano/norte-americano José Diaz "Suavecito" e o brasileiro Rene Soldado. Outros destaques são as revelações Matheus Mattos e Paulinho Capoeira, que enfrentam Allan Miguel e Diego Paiva, respectivamente. 
 
Jungle Fight 72 - edição especial 11 anos

Local: Ginásio do Ibirapuera, São Paulo-SP
Data: Sábado, 06 de setembro de 2014
Horário: 21h (horário de Brasília)
Transmissão: SporTV e Combate para todo o Brasil / outros países: ESPN Deportes
 
Card completo:
 
Maiara Alves (Nocaute Team) x Ericka Almeida (Herman Gutierrez) - Cinturão Feminino - Até 52kg
 
Rene "Soldado" Pessoa (Power Lotus Team) x José Diaz "Suavecito" (Cleber Jiu Jitsu) - até 77kg
 
Fernando Di Pierro (Alliance/Equador) x Douglas Bertazini "El loco" (Miguel Repanas) - até 84kg
 
Martin Ottaviano "La Maquina" (Sukata Academy/Argentina) X Charles Leite (Demian Maia Jiu Jitsu) - 93kg
 
Matheu Mattos "Adamas" (Team Nogueira) x Allan Miguel (Fight Club BFC) - até 61kg
 
Valdines Silva (Pitbul Brothers) x Allan "Popey"(Ryan Gracie/Polemico) - até 66kg;
 
Paulo Oliveira "Capoeira" (Orion Fight) x Diego Paiva (Miguel Repanas) - até 57kg
 
Gregory " Robocop " Rodrigues ( XGym )  x Bruno Lopes (011 Team) - até 84 kg
 

Jungle Fight inaugura cinturão peso-palha feminino em edição especial

Invictas, Maiara Alves e Ericka Almeida disputam o cinturão da nova categoria no Jungle Fight 73, no ginásio do Ibirapuera, em São Paulo

Completando 11 anos de sucesso, o Jungle Fight anuncia mais uma novidade. Em sua edição de aniversário, marcada para o dia 6 de setembro, no ginásio do Ibirapuera, em São Paulo, a organização estreia o cinturão peso-palha (52 kg) feminino. O título será disputado entre as invictas Maiara Alves e Ericka Almeida, que prometem um duelo bem interessante.

Amapaense de Macapá, Maiara Alves, de 27 anos, possui um cartel de três vitórias em três lutas, sendo duas por decisão e uma por finalização. Sua apresentação mais recente foi em maio deste ano, quando superou Bianca Bendo após três rounds de muita técnica. Do outro lado, a paulista de Sorocaba Ericka Almeida, de 25 anos, venceu todas as cinco lutas que disputou, todas no primeiro round, sendo quatro por finalização e uma por nocaute técnico.

Presidente do Jungle Fight, Wallid Ismail, um entusiasta do MMA feminino, comemorou a novidade, e fez questão de exaltar a garra e a determinação vista nos combates entre mulheres.

"As mulheres são muito guerreiras, lutam sempre para frente, fazem de tudo para a luta não ficar nas mãos dos juízes. Com o sucesso da categoria até 61 kg, eu não poderia deixar de dar chance às lutadoras mais leves, e é por isso, acreditando no potencial delas, que o Jungle Fight 73 vai entrar para a história com a inauguração deste novo cinturão".
 

Jungle Fight: 'Jacarezinho' sai do card e Davi 'Tata' desafia Bilharinho pelo cinturão dos pesos-galos

Fabiano "Jacarezinho" adoeceu e o médico determinou 14 dias de repouso, o que comprometeu a sua preparação para o importante combate 

A luta principal do Jungle Fight 73, marcado para o dia 6 de setembro, no ginásio do Ibirapuera, em são Paulo, sofreu uma alteração. Escalado para desafiar o campeão Jonas Bilharinho pelo cinturão dos pesos-galos (61 kg), Fabiano "Jacarezinho" adoeceu e foi impedido pelo médico de dar sequência aos treinamentos, comprometendo a sua preparação. Com isso, David Tatá, que vem de uma incrível sequência de quatro vitórias no evento, herda o posto de desafiante número um. 

Mineiro de Rio Pardo de Minas, David "Tatá" possui um cartel de sete vitórias e apenas um revés. Sua trajetória no Jungle Fight não começou muito bem. Em sua estreia na organização, na edição de numero 60, ele foi derrotado por Felipe Cruz via decisão unânime. Determinado, "Tatá" corrigiu os erros e, além de emplacar uma sequência de vitórias, ainda faturou o troféu Carlson Gracie, dado ao lutador mais empolgante de cada edição.
 
"Sou o tipo do atleta que o Wallid gosta, pois luto sempre para frente, para definir a luta, e não escolho data e nem adversário, ainda mais valendo cinturão. Estou em um momento bom, venho vencendo bem as minhas lutas, sempre contra adversários duros, o que é comum no Jungle Fight. Já comecei a minha preparação e podem ter certeza que vou dar tudo de mim lá em cima", garantiu o desafiante.

Assim como seu oponente, Jonas Bilharinho também vem de quatro vitórias na organização. A mais recente, em março deste ano, lhe rendeu o título dos pesos-galos em uma das lutas mais equilibradas do cenário nacional. Só que posteriormente a organização lançou um novo tipo de cinturão, com detalhes coloridos, e esse é o novo objetivo do lutador, que também comentou a necessidade de mudar o camp devido à mudança do adversário.

"Cada atleta tem um jogo próprio, e é isso que diferencia 'estar treinado' de 'estar em camp'. Sempre treino o mais específico possível para tentar antever tudo o que poderá acontecer no dia da luta. Minha última luta acabou nas mãos dos juízes, embora eu tenha feito de tudo para terminar antes. E esse é meu pensamento de sempre: definir a luta lá dentro. Só que às vezes não dá. Mas estou focado e minha intenção é me manter campeão do Jungle, ganhar um cinturão novo daquele e me aproximar cada vez mais de um contrato com o UFC", avisou o campeão.

Além da disputa de cinturão entre os pesos-galos, a edição de aniversário de 11 anos do Jungle Fight também vai contar, em seu co-main event, com a primeira disputa de cinturão peso-palha (52 kg) da organização. Invictas e com cinco vitórias, Maiara Alves e Ericka Almeida decidem qual entrará para a história do evento como a primeira campeã da categoria.

Confira abaixo o card completo do evento (sujeito a alterações):

Jungle Fight 72 - edição especial 11 anos

Ginásio do Ibirapuera, São Paulo-SP

Sábado, 06 de setembro de 2014

Horário: 21h (horário de Brasília)

Transmissão: Sportv e Canal Combate para todo o Brasil / outros países: ESPN Deportes


Jonas Bilharinho "Speed" (Team Nogueira) x David "Tatá" Silva (Colisão) - Cinturão Peso-Galo - até 61kg;

Maiara Alves (Nocaute Team) x Ericka Almeida (Herman Gutierrez) - Cinturão Feminino - Até 52kg;
 
Rene "Soldado" Pessoa (Power Lotus Team) x José Diaz "Suavecito" (Cleber Jiu Jitsu) - até 77kg;

Fernando Di Pierro (Alliance/Equador) x Douglas Bertazini "El loco" (Miguel Repanas) - até 84kg;

Martin Ottaviano "La Maquina" (Sukata Academy/Argentina) X Charles Leite (Demian Maia Jiu Jitsu) - 93kg;

Matheu Mattos "Adamas" (Team Nogueira) x Allan Miguel (Fight Club BFC) - até 61kg;

Valdines Silva (Pitbul Brothers) x Allan "Popey"(Ryan Gracie/Polemico) - até 66kg;

Paulo Oliveira "Capoeira" (Orion Fight) x Diego Paiva (Miguel Repanas) - até 57kg;

Gregory " Robocop " Rodrigues ( XGym )  x Bruno Lopes (011 Team) 84 kg ;
       
 
 

Bilharinho coloca cinturão dos galos em jogo contra Jacarezinho no aniversário de 11 anos do Jungle Fight

 
Bilharinho coloca cinturão dos galos em jogo contra Jacarezinho no aniversário de 11 anos do Jungle Fight
 
Maior evento de MMA da América Latina retorna a São Paulo no dia 6 de setembro, no ginásio do Ibirapuera
 
A próxima edição do Jungle Fight será no dia 6 de setembro, no ginásio do Ibirapuera, em São Paulo. A luta principal será entre o campeão dos pesos-galos (até 61kg) Jonas Bilharinho e o experiente Fabiano Jacarezinho. Essa será a primeira vez que Bilharinho colocará o cinturão em jogo. O atleta do Team Nogueira conquistou o título em março,  após vencer Mário Israel, por decisão dividida, no Jungle Fight 67, realizado em Foz do Iguaçu.
 
"Vai ser um lutão com toda certeza. O Jonas (Bilharinho) é um jovem muito talentoso, que está invicto e conquistou o cinturão com muita raça. Do outro lado temos o Jacarezinho que é um lutador novo mas muito experiente. Vai ser uma guerra total dentro da Arena Jungle", afirma Wallid Ismail, ex-atleta e presidente do Jungle Fight.
 
Aos 24 anos, Bilharinho é considerado uma das principais revelações do Brasil. O lutador está invicto na carreira - com cinco vitórias e um empate - e pode assinar com o UFC em breve. Já Jacarezinho é dois anos mais velho que o rival, porém, amplamente mais experiente. O atleta da XGym possui 30 lutas na carreira, sendo 23 vitórias.
 
Outro duelo de destaque do Jungle Fight 73 será entre o argentino Edgardo Leandro Monney e o mexicano Jose "Suavecito" Diaz, pela categoria peso-meio-médio (até 77kg). Ambos estão invictos e poderão se tornar o próximo desafiante do cinturão da categoria, em caso de vitória. 
 
Na mesma noite, a promessa do Team Nogueira Matheus Mattos encara Allan Miguel, na terceira luta principal. O jovem, de apenas 22 anos, está invicto com sete vitórias e um empate, enquanto seu adversário possui um cartel de 10 vitórias e três derrotas. O evento também contará com três lutas entre lutadores de comunidades de São Paulo, um pedido do secretário de Esportes Celso Jatene e do deputado Campos Machado.  
 
Jungle Fight 73
6 de setembro de 2014, no Ginásio Mauro Pinheiro, em São Paulo (SP)
 
CARD DO EVENTO:
 

Jonas Bilharinho x Fabiano Jacarezinho - cinturão peso-galo

Mariana Alves x Ericka Almeida - Cinturão Fem - Até 52kg

Edgardo Leandro Monney (Argentina) x Jose "Suavecito" Diaz (México) - até 77kg

Fernando di Pierro (Equador) x  Douglas Bertazini - até 84 kg

Martin "La Maquina" Ottaviano (Argentina) x  Alexandre Zaneti - até 93 kg

Matheus Mattos x Allan Miguel - até 61kg

Valdines Silva x Allan 'Popey'- até 66kg

Paulo Oliveira 'Capoeira' x Diego Paiva - até 57kg

 

Gigante demonstra otimismo para a 1ª defesa de cinturão: ‘Sairei novamente com o cinturão’

 
Gigante demonstra otimismo para a 1ª defesa de cinturão: ‘Sairei novamente com o cinturão
 

Sem lutar desde novembro do ano passado, campeão dos pesos-pesados encara Fábio Bodesan, neste sábado, 9, na luta principal do Jungle Comunidade – São Paulo

 

A última apresentação de William Baldutti, o Gigante, foi no Jungle Fight 60, realizado em novembro do ano passado, no ginásio Pelezão, em São Paulo, quando nocauteou Caião Alencar e ficou com o título dos pesos-pesados (até 120 kg) da organização. Neste sábado, 9, o lutador colocará, pela primeira vez, o cinturão em jogo, diante Fábio Bodesan,  pelo JUNGLE COMUNIDADE – SÃO PAULO, no mesmo palco que o consagrou há quase um ano.

 

“Naquela noite fui muito feliz, estava muito bem treinado e graças a Deus consegui um grande nocaute diante um grande adversário e me tornei o campeão. Espero que as coisas se repitam nesse evento de sábado e que o Pelezão seja mais uma vez o palco da minha vitória. Treinei muito forte e espero sair de lá novamente com o cinturão”, afirmou Gigante.

 

Uma das deficiências apresentadas por Gigante em seu último combate foi o condicionamento físico, deficiência que ele garante ter aperfeiçoado ao longo dos últimos meses, na preparação realizada na XGym, no Rio de Janeiro.

 

“Sempre faço um trabalho muito bom com o Rogerão (Rogério Camões, preparador físico na XGym) mas na hora da luta outras coisas contam. A adrenalina influência muito nisso, um exemplo é o próprio Erick Silva. É claro que o meu primeiro round continua sendo o mais perigoso, mas me sinto preparado para lutar os três rounds em alto nível”, explica o mineiro, de 36 anos e 1,95m de altura.

 

Com apenas sete lutas na carreira – cinco vitórias e duas derrotas -, Gigante ainda considera prematura a possibilidade de assinar com o UFC. Porém, não esconde o otimismo ao falar sobre o seu futuro e o sonho em ser campeão do maior evento de MMA do planeta.

 

“A ideia era vencer o GP e brigar por uma vaga, mas vou me firmar como o campeão do Jungle e depois acredito que terei essa chance. Esse é o sonho de qualquer lutador, quero estar no UFC, lá estão os melhores lutadores do mundo e é onde eu quero estar. Tenho certeza que chegarei lá e quando isso acontecer estarei em condições de bater em qualquer um. Se eu não acreditar em mim, ninguém irá", finaliza.

 

O Jungle Fight 72, ou Jungle Comunidade – São Paulo, será realizado neste sábado, dia 9 de agosto, a partir das 21h, no ginásio Pelezão, em São Paulo. O evento terá um total de 10 lutas, sendo sete entre atletas de comunidades. As duas lutas anteriores à disputa de cinturão serão os confrontos internacionais entre os brasileiros Lucas Jesus e José Ricardo "Rato" contra os mexicanos Fabian Quintanar e Gilberto Aguilar, respectivamente.

 

Card Oficial

 

Willian "Gigante" Baldutti (XGYM) x Fabio Bodesan  (De La Riva Palhoça) - Cinturão dos pesos-pesados (até 120kg)

 

Fabian Quintanar (México) x Lucas Jesus (Bronx's Gold Team) - 70 kg 

 

Gilberto "El Azteca" Aguilar (Mexico)  x  José Ricardo "Rato" (Veras Muay Thai) - 66 kg 

 

Danilo Adrian (Colisão Jiu Jitsu) x Caio "Formiga" (Power Lotus Team) - 57 kg 

 

Kaynan "Bahia" Sampaio Cardoso Kruschewsky (Team Nogueira Bauru)   X Dioginis "Overeem" (Power Lotus Team) - 66 kg 

 

Jesus Ferreira da Rocha (Bronx's  Gold Team) x Quemuel Ottoni (Família Komodo) - 84 kg

 

Israel Ottoni (Família Komodo) x Rony Silva (Peso Pesado Gold Team) - 66 kg 

 

Jefferson "Jeffinho" Pedro (Chute Boxe Diego Lima/ Babuino Gold Team) x Diego Paiva (Miguel Repanas Team) - 57 kg 

 

Leandro Rodrigues dos Santos (Ryan Gracie/ Polêmico) x Diogo Felipe dos Santos (Fight Fitness) - 61kg   

                                                

Carlos Alberto "Carlão " Silva (Chute Boxe Pirajú) x Douglas Candido Jordão (Ricardo Presas Team) - 77 kg 

 

Ex-BBB Cacau Colucci retorna como ring girl

Ex-BBB Cacau Colucci retorna como ring girl

 

A ex-BBB Cacau usou um look minúsculo em ensaio e exibiu suas curvas generosas. De shortinho e top, a ex-participante do “Big Brother Brasil” posou para fotos nesta terça-feira, 5, na academia Competition, em São Paulo. Cacau será a ring girl do Jungle Fight 72 ( Jungle Comunidade). Durante o ensaio, o professor Ricardo Campelo ensinou algumas táticas e golpes  de defesa pessoal.

A modelo, que já participou de outras edições do evento, posou para as lentes do fotógrafo Fred Pontes e sensualizou com o uniforme que usará neste sábado. 

 

Distribuição de ingressos

 

Os ingressos para o JUNGLE COMUNIDADE – SÃO PAULO já estão disponíveis em duas sedes das lojas Ortobom, na cidade de São Paulo, desde segunda-feira. Para garantir o seu, basta ir a um dos postos credenciados (confira abaixo). 

 

- Loja Ortobom: Rua Monteiro de Melo, 204, Lapa, São Paulo

 

- Loja Ortobom: Rua Heitor Penteado, 1.724, Loja 07, Sumaré, São Paulo


 

Jungle Fight 72 (Jungle Comunidade)

Data: 09/08/14

Horário: 21h (de Brasília)

Local: Ginásio do Pelezão, São Paulo

Endereço: Rua Belmonte, 957 - Alto da Lapa

 

                                   

 

Jungle Comunidade SP terá disputa de cinturão entre pesos-pesados Gigante e Bondesan.

Jungle Comunidade SP terá disputa de cinturão entre pesos-pesados Gigante e Bondesan

Evento acontece no próximo dia 9, no Ginásio Pelezão, em São Paulo, com vários atrativos: Luta por título, duelos internacionais e sete combates entre moradores de comunidades
 
A luta principal do Jungle Comunidade São Paulo, marcado para o próximo dia 9, no Ginásio Pelezão, será entre o campeão dos pesos-pesados (até 120kg) Willian Gigante e Fábio Bondesan. Essa será a primeira defesa de cinturão de Gigante, que conquistou o título após nocautear Caião Alencar, em novembro do ano passado. 
 
Ao todo o evento terá 10 lutas, as sete primeiras compostas por lutadores de comunidades de São Paulo. Já as três últimas serão a disputa de cinturão dos pesos-pesados e os confrontos dos brasileiros Lucas Jesus e José Ricardo "Rato" contra os mexicanos Fabian Quintanar e Gilberto Aguilar, respectivamente.
 
Esta será a terceira edição do Jungle Comunidade neste ano. O projeto tem como objetivo dar oportunidades aos moradores de favelas além de descobrir novos talentos para o MMA. As outras duas edições foram realizadas no Rio de Janeiro, e consagraram o manauara Paulinho Capoeira, morador da comunidade de São Jorge. 
 
Para Wallid Ismail, ex-atleta e presidente do Jungle Fight, a parceria entre o evento e a Secretaria de Esportes de São Paulo será determinante para o futuro dos moradores dessas comunidades e para o MMA brasileiro.
 
“Quero agradecer ao secretário Celso Jatene e Campos Machado pelo apoio que tem nos dado, concordando com a importância do MMA na inclusão social e para afastar os jovens das drogas e aproximar da família. É uma parceria importante para a vida dessas pessoas e para o esporte. O MMA precisa de novos ídolos e tenho certeza que nas comunidades temos grandes guerreiros que podem ir longe. O Jungle Fight vai provar mais uma vez sua credibilidade e fazer grandes combates”, afirmou Wallid. 
 
Distribuição de ingressos
 
Os ingressos para o Jungle Comunidade estarão disponíveis em duas sedes das lojas Ortobom, em São Paulo, a partir do próximo dia 4, segunda-feira. Para garantir o seu basta ir a um dos postos credenciados (confira abaixo). 
 
Loja Ortobom - Rua Monteiro de Melo, 204, Lapa, São Paulo
 
Loja Ortobom - Rua Heitor Penteado, 1.724, Loja 07, Sumaré, São Paulo
 
 
Jungle Fight 72 (Jungle Comunidade)
Data: 09/08/14
Horário: 20h (de Brasília)
Local: Ginásio do Pelezão, São Paulo
Endereço: Rua Belmonte, 957 - Alto da Lapa
 
Card Oficial
 
Willian "Gigante" Baldutti (XGYM) x Fabio Bondesan  (De La Riva Palhoça) - Cinturão dos pesos-pesados (até 120kg)
 
Fabian Quintanar (México) x Lucas Jesus (Bronx's Gold Team) - 70 kg 
 
Gilberto "El Azteca" Aguilar (Mexico)  x  José Ricardo "Rato" (Veras Muay Thai) - 66 kg 
 
Danilo Adreani (Colisão Jiu Jitsu) x Caio Gameiro "Formiga" (Power Lotus Team) - 57 kg 
 
Kaynan "Bahia" Sampaio Cardoso Kruschewsky (Team Nogueira Bauru)   X Dioginis Overeem (Power Lotus Team) - 66 kg 
 
Jésus Ferreira da Rocha (Bronx's  Gold Team) x Quemuel Ottoni (Família Komodo) - 84 kg
 
Israel Ottoni (Família Komodo) x Rony Silva (Peso Pesado Gold Team) - 66 kg 
 
Jefferson "Jeffinho" Pedro (Chute Boxe Diego Lima/ Babuino Gold Team) x Diego Paiva (Miguel Repanas Team) - 57 kg 
 
Leandro Rodrigues dos Santos (Ryan Gracie/ Polêmico) x Diogo Felipe "Hannibal" (Fight Fitness) - 61kg   
                                                
Carlos Alberto Silva"Carlão " (Chute Boxe Pirajú) x Douglas Candido Jordão (Ricardo Presas Team) - 77 kg 
 

Quer participar da próxima edição do Jungle Comunidade? Saiba como...

A próxima edição do Jungle Comunidade sofreu uma alteração no calendário e foi antecipado para o dia 9 de agosto. 

O evento, que será realizado pela primeira vez em São Paulo (ainda sem local definido), também terá uma novidade interessante. O card será formulado através de uma lista de lutadores enviada ao e-mail do Jungle comunidade.
Jungle Comunidade São Paulo


Para se inscrever a uma possível vaga no evento, os interessados deverão enviar um E-mail para o endereço Este endereço de e-mail está protegido contra spambots. Você deve habilitar o JavaScript para visualizá-lo. com o assunto: Jungle comunidade SP e no corpo do E-mail as seguintes informações: 

-NOME DO ATLETA(OBRIGATÓRIO)
-APELIDO (CASO TENHA)
-CPF (OBRIGATÓRIO)
-RG (OBRIGATÓRIO)
-PIS E CARTEIRA DE TRABALHO (CASO NÃO TENHA CARTEIRA DE TRABALHO E PIS, SE DIRIGIR A UMA CAIXA ECONÔMICA FEDERAL E TIRAR O "NADA CONSTA" EM SEU CPF ) 
-TELEFONE(OBRIGATÓRIO): RESIDENCIAL E/OU CELULAR
-E-MAIL(OBRIGATÓRIO):CASO TENHA MAIS DE UM
-DATA DE NASCIMENTO(OBRIGATÓRIO)
-CIDADE DE NASCIMENTO(OBRIGATÓRIO)
-ENDEREÇO (COMPLETO COM CEP)(OBRIGATÓRIO)
-NOME DA COMUNIDADE(OBRIGATÓRIO)
-EQUIPE(OBRIGATÓRIO)
-NOME DO TÉCNICO(OBRIGATÓRIO)
-PESO E ALTURA(OBRIGATÓRIO)
-MODALIDADE E GRADUAÇÃO(OBRIGATÓRIO)
-CARTEL(OBRIGATÓRIO)- VITÓRIAS DERROTAS - EMPATES - NO CONTEST.

O JUNGLE COMUNIDADE - SÃO PAULO é uma parceria entre Wallid Ismail, ex-atleta e presidente do Jungle Fight e a Secretária Municipal de Esportes de São Paulo. O evento dá sequência ao trabalho social realizado desde o início do ano, após duas edições de sucesso na Central Única das Favelas (CUFA), no Rio de Janeiro.
 

Jungle Comunidade SP é antecipado para 9 de agosto e terá inscrições pela internet

Campos Machado, Celso Jatene e Wallid
 
A próxima edição do Jungle Comunidade sofreu uma alteração no calendário e foi antecipada para o dia 9 de agosto. O evento, que será realizado pela primeira vez em São Paulo - ainda sem local definido -, também terá uma novidade interessante. O card será formulado através de uma lista de lutadores enviada ao e-mail  Este endereço de e-mail está protegido contra spambots. Você deve habilitar o JavaScript para visualizá-lo.

Leia mais...